Archive for the ‘Campeão’ Category

Mai nada! :)

Maio 11, 2010

Andei a festejar até agora! 🙂 E não tinha tido ainda tempo para actualizar o bilhas blog com esta coisa linda e maravilhosa que é o Glorioso ser campeão.

Quero agradecer os parabéns que me deram as portistas do meu coração (Mrs. Bilhas, mana Bilhas e Mãe Bilhas) que não podendo ser perfeitas que tenham apenas este pequeno defeito que é ser portista! Agradeço também os parabéns do sogro e o apoio da sogra (que desde que o Porto deixou de ter hipóteses teve a simpatia de apoiar a melhor equipa).

O Pai Bilhas, o mano Bilhas e o Bilhas, the Kid não precisaram de dar os parabéns. Estavam também em festa. Ontem o sacana do catraio a ver imagens da festa na TV começou com um sorriso largo a dizer: “BOAAAAA!” Numa clara alusão à felicidade que eu espero que ele sinta de cada vez que o, por enquanto ainda só meu lá em casa, Glorioso seja campeão!

Na hora em que o campeonato acabou lembrei-me de um benfiquista muito meu amigo e que já nos deixou, o tio Bibinhas ficaria com uma enorme alegria no coração. Um beijo enorme tio… já cá canta mais um caneco! 🙂

Anúncios

Orgulho

Setembro 12, 2007

Eu (que até sou gajo monárquico) não consigo deixar de me arrepiar a ver esta rapaziada a cantar orgulhosamente o hino da nação! Ter orgulho assim em representar o país é algo muito raramente visto e ficava muito bem a muito boa gente. Afinal se eu gostar assim do meu país, não luto por fazer dele um lugar melhor?

PS: Ó Senhor Primeiro Ministro (que um gajo ainda não sabe se deve, ou não, chamar de Engenheiro) e ensinar esta coisa à rapaziada nas escolas? Não era preciso iniciar todas as santas aulinhas com isto, mas ao que vejo por aí pelo menos a rapaziada sabia a letra (e já agora a história) de um dos símbolos da Pátria (reparem que a escrever pátria ainda corro o risco de ser chamado nacionalista… e isso é muito pouco politicamente correcto, não é?).

Habemos Campione!

Maio 23, 2005

Lia-se ontem no fantástico estádio do Bessa esta mensagem no final dos 90 minutos: “Habemos Campione!” E estava certinha… impregnada de algo que poucos clubes ostentam… os mais fervorosos e fantásticos adeptos e uma mística sem igual!

Bem sei que dirão os meus amigos Andrades e Lagartos que há muito que não se via a Mística! Mas ela lá está, sempre lá esteve, embora um pouco quieta nos últimos tempos! Afinal a mística não aparece por os jogadores sentirem a camisola, aparece porque nós os adeptos os fazemos senti-la!

É fantástico comemorar um título do Benfica! Desde Timor, passando por Angola, Londres, Macau, Paris, Sidney, sei lá que mais terras deste planeta, até à cidade do Porto (mesmo que não tenhamos feito a festa na Baixa) é uma alegria imensa! O povo salta e pula de alegria! Eu salto, grito, sorrio, pincho e sei lá mais o quê de alegria e contentamento… onze anos depois, dirão alguns. Eu direi apenas, uma vez mais campeões! Sentia falta destes festejos do Glorioso!

Eu estive lá! Vou poder dizer aos meus filhos (espero que Benfiquistas) que o pai esteve no Bessa. Depois de onze anos de sofrimento e de aturar os constantemente “chatos” do Porto e Sporting a massacrar o juízo. Depois das bocas do canal memória, das crianças que nunca tinham visto o SLB a ganhar, enfim depois destas bocas todas… eu estive Lá!

Falta mandar um abraço especial a quatro portistas (bons perdedores, claro está, que também aí se vê a grandeza de outros clubes). São eles a Mãe Bilhas, a Mrs. Bilhas, o Sogro (agora acabam-se as tangas ehehehe) e o Marco! Um abraço benfiquista para todos eles, para o ano cá vos esperamos! Na Superliga, na Liga dos Campeões, na Taça e em qualquer outra competição! Que ganhe o melhor… ehehehe e vocês sabem a quem me refiro!!!

Ninguém Pára o BENFICA!!!!