Terrorismo em Português

bomb

Imagem: daqui.

Um título que junte as palavras terrorismo e português ou Portugal é, quer dizer, devia ser coisa inédita neste país. Só não o é, porque a Espanha fez o favor de nos alertar sobre o perigo que corríamos pelo facto de simplesmente existirmos e sermos parte de uma força com um poder de intervenção mundial que é a União Europeia (para quem não se recorde até tivemos uma presidência que acabou há uns dias, ok?).

No entanto, continua a ser estranho ver aquelas duas palavras juntas. Recordo, com um esgar de sorriso, a minha primeira experiência com uma ameaça de bomba. Não pensem que estava em Madrid, Barcelona, no sul de Espanha, em Paris ou no metro londrino, nada disso. Estava na Póvoa do Varzim. Numa “disconaite” chamada It que ficava perto do Estádio do Varzim (acho que hoje a It é do outro lado, perto do casinho, não é?). A determinada altura entra a polícia. Nada de muito alarmante, apenas um carro patrulha, sem qualquer brigada de minas e armadilhas, ou forças de operações especiais (ou sem qualquer especialidade), apenas um carro com dois agentes. Entram, avisam o dono do It e indicam que é necessário evacuar a “disconaite”, devido a uma ameaça de bomba.

Um terrorista que tinha sido barrado à porta, imaginam vocês e imaginaram todos os que estavam lá na altura, ficou chateado com a coisa e resolveu chatear todo o povo que estava por lá a curtir, Bilhas incluído.

Ora então o que fez o dono do It na altura? Imaginam? Eu conto. Perante uma ameaça de bomba, toca de organizar uma filinha para pagar o cartãozinho de consumo, não vá a casa ir à falência! Mesmo correndo o risco de a bomba ser verdadeira e explodir com a clientela toda.

Lá está é o nosso típico sentimento de “somos-os-maiores-do-mundo-mas-ninguém-nos-liga-aqui-no-cu-de-judas-porque-é-que-os-gajos-nos-haviam-de-fazer-mal” a funcionar! Só aos outros… é uma frase comum que carrega um sentimentozinho de inveja, não acham?

Anúncios

Uma resposta to “Terrorismo em Português”

  1. Miss Detective Says:

    eu tambem acho comico a junçao das duas palavras! mas portugal por acaso tem algum coiso importante onde por uma bomba?? é q eu nao vejo. por exemplo a torre de belem.. xiii q aquilo ta sempre apinhado de gente. e a torre dos clerigos nem se fala. por god sakes!!!

    p.s. gostei muito da fila para pagar sob ameaça terrorista

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: