Archive for Outubro, 2007

Corrupção ou cóltura, canudos?

Outubro 31, 2007

Rapaziada, deixemos de lado o Dali! Hoje vamos ao cinema…

Pode ser por vocês? Coiote… tem mamas e tudo, pá! Eh pá… espera lá… hoje não pode ser nada… dá o Glorioso para a Taça, carago!

Is anybody under pressure?

Outubro 31, 2007

Cóltura, senhores, cóltura com ó!

Outubro 31, 2007

dali

Imagem: daqui.

Rapaziada… é só para lembrar os mais esquecidos que combinámos, há uns dias atrás, ir ver a exposição deste génio (no Palácio do Freixo), não se esqueceram, pois não?

Bom dia, fala a Marta…

Outubro 30, 2007

Esta poderia ser a bendita frase da moda aqui na Bilhas “enterpraise”, se por acaso aqui houvesse uma Marta, ou melhor, se aqui todas as gajas se chamassem Marta (o que, felizmente, não é o caso)!

Passo a explicar. A “enterpraise” aderiu a essa fabulosa coisa que é o VOIP (Voice Over Internet Protocol) e vai daí toca a comprar telefones e auscultadores próprios para as meninas (sim… nós os gajos não queremos dessas merdas e telefonamos menos) e a coisa agora parece um call-center sem aquela brancura que a malta vê (mas não acredita) nos anúncios da Ok dos seguros!

callcenter

Enfim… agora não há quem as ature (antes também não havia) com telefonemas por voip e risinhos à mistura. Estamos tramados, é o que é!

Ai, ai, ai Menina Rosário

Outubro 30, 2007

Esta rapaziada não me dá descanso, carago! Agora é a vez da corrente da página 161 do bendito livro que está mais perto de mim. Ao que me diz a Rosário do Divas & Contrabaixos (Rosário… deve ser com certeza engano que a minha sensibilidade artística e humana já atravessou melhores dias, mas obrigado na mesma ;)) a coisa funciona nos seguintes moldes:

1ª) Pegar um livro próximo (PRÓXIMO, não procure);
2ª) Abra-o na página 161;
3ª) Procurar a 5ª frase completa;
4ª) Postar essa frase em seu blog;
5ª) Não escolher a melhor frase nem o melhor livro;
6ª) Repassar para outros 5 blogs.

Ora então siga para bingo:

1ª) Sebastião José de Agustina Bessa-Luís, Guimarães Editores, 5ª edição, 2003.

2ª) Sim…

3ª) Ora pois. Uma, duas, três… quatro, cinco… já está!

4ª) “Era pouco.

E como era pouco mesmo, vamos recuar um pouco mais e passar para depois desta frase para que possam perceber o contexto. Aqui vai:

“Como garantia da sua noção económica, Sebastião José tinha só o decilitro de sangue cristão-novo que lhe corria nas veias. Era pouco. Entre as pessoas que em 1776 compram o livro de Adam Smith, Inquirição sobre a Natureza e as Causas da Riqueza das Nações, não estava com certeza o Marquês de Pombal. Ele, no entanto, teria percebido aí uma ideia mais a pôr em prática, dentro do seu vasto reportório de ideias emprestadas.”

A ideia era expulsar os jesuítas de Portugal (não os bolos de Santo Tirso, os padres da Companhia de Jesus mesmo), ideia que não agrada nada à Agustina.

5ª) Se tivesse escolhido teria ido para uma coisa como A política de Adam Thirlwell que é bastante mais picante interessante do que o Sabastião José.

6ª) Ora pois então deixa cá ver o que estão a ler a wednesday do H2otinto, as maças (ó maças que “lendes” vocês? Podem responder as quatro que a malta não se importa…), a Rititi (Rititas… que lê vossa senhoria no Brasil?), o Pedro Aniceto que tem um cão com pulgas e os dois amigos mais cultos que um gajo pode ter, o Carlos e o Coiote (Coiote… não vale postar aqui merdas que lês na Gina ou em qualquer outra revista pornográfica). Sô Dona Lousinha considere-se também na corrente, ok!?

PS: eu sei que são mais do que cinco, mas o blog é meu e portanto faço o que muito bem me apetecer, certo!? 🙂

Estamos contigo

Outubro 30, 2007

Presidente… quero aqui deixar-lhe expresso todo o meu apoio. Não há legalização de claques, não há o bendito do apoio que elas pedem. Nem mais… e não me venham com merdas! A legalização das claques serve para responsabilizar as claques e defender as pessoas que querem ver a bola em segurança, vai daí legalizem-se e sejam responsáveis pelos vossos actos.

Para além disso… chamar nomes ao Presidente do glorioso é perder completamente a razão (já chega os insultos dos outros clubes, carago!) e os insultos demonstram que essa rapaziada não tem qualquer argumento válido, senão em vez de insultar, utilizava-o.

Assim sendo, meu caro Presidente, estou consigo!

Parabéns (atrasados para não variar)

Outubro 29, 2007

Todos os meus amigos sabem que eu não sou nada bom nas datas. Normalmente é alguém que me telefona a avisar que alguém faz anos, ou que passou uma data importante na vida de um outro amigo, porque eu não me dou muito bem com essa maravilhosa invenção da humanidade que é o belo do calendário.

Desta vez ficaste tu sem os parabéns no dia certo, Paulo. Se cá estivesses teríamos ido beber um caneco e não me esquecia, mas raios te partam que estás em Madrid e eu não pude ir aí (infelizmente, muito infelizmente).

Em todo caso, Paulo… e como mais vale tarde do que nunca aqui fica um enorme, enorme, deixa cá ver… assim do tamanho da Castelhana, abraço daqui do Bilhas e da sua gaja! 🙂

PS: Sim eu sei… já está em construção uma lista de alertas no ical… mas ao fim de semana não se ligam computadores, carago!

Mãe!? Tás aí?

Outubro 29, 2007

 

DESCULPA

o parvalhão do teu filhote, ok!? Sou um patetão dos grandes!

Adeus

Outubro 29, 2007

Nos últimos tempos não eras só tu. Eras tu e a doença miserável que por muito que tentasse não conseguia tirar-te o sorriso. E tentou fazê-lo. Recordo a última vez que estive contigo, tia. Ia a caminho de algum lado e passei para te visitar em Leiria, no colégio onde passaste a grande parte da vida em Portugal, abraçada a uma convicção, a um amor que eu não consigo entender, mas que o teu sorriso nos fazia perceber que era verdadeiro e intenso.

Ele vai retribuir-te tudo o que Lhe deste e no dobro daquilo que nos deste a nós. A este teu pateta sobrinho farás falta. Fará falta o teu sorriso, os rebuçados que me davas às escondidas, fará falta a forma divertida e preocupada como nos perguntavas sobre a vida e os estudos. Eu, a Cláudia e o Nuno sabemos o quanto nos amavas e apenas te queria dizer que esse amor (por vezes não presencial) tem reciprocidade acrescida de um enorme respeito pela história da tua vida, da tua devoção a Deus e dos anos, dedicados a Ele, em missão em África.

Tenho a certeza que agora estás ainda mais em casa. Acolhida junto de quem mais amaste e sempre com esse sorriso com que nos dizias adeus após as nossas visitas.

A ti, minha querida tia, um adeus que não te consegui dar em vida. Beijo do teu, Né.

Lá está… a perda dos neurónios

Outubro 26, 2007

Até me faz esquecer que o BENFICAAAAAAAAAAAAAA ganhou para a Liga dos Campeões (finalmente) e que o CARDOSSOOOOOOO marcou um golaço!

Finalmente o meu GLORIOSSSSOOOOOOOOO começa a margar alguns GOLLLLLLOOOOOOOSSSSSSSS. Já me encontrava em fase de desespero (agravada pelo facto de viver em terra inimiga, caragos! E de ter de levar com as bocas destes andrades…), mas agora sinto-me compensado. Passamos a terceiro no grupo e apenas a 3 pontitos do Milan (vitória cá, com um golo no último minuto do MANNNTTOOORRRRASSSSSSSSS recuperado).

Enfim… o que o povo não sofre pelo BENNNNFFFFIIIIICCCAAAAAAA!

Parabéns, carago!

Outubro 26, 2007

Faz hoje um ano o blog da MiSs Detective e a bem dizer como eu não posso passar pela estefânia para lhe entregar a prenda (mais 300km e queimava o outro neurónio) aqui fica, pelo coro de S. Cucufate da Rebordosa de Baixo, uma singela homenagem a um blog que tem o condão de me pôr bem disposto (às vezes, “prontos”! ;))

PS: MiSs… repara como os gajos cantam os parabéns em distintas línguas.

Pensamento

Outubro 26, 2007

Ontem, a regressar da capital do reino, ouvi na rádio um spot publicitário que a determinada altura reza a bendita frase: “os homens (ou as mulheres que aquilo é feito com os dois géneros) são todos iguais”! É um anúncio a um carro e descreve a insatisfação das gajas e gajos pelo facto de sujarem a viatura (coisa que eu compreendo), mas que não faz grande sentido ser usado em publicidade… mas isso são outros quinhentinhos!

Ora depois de ouvir esta publicidade e com mais uns 200 e muitos km pela frente, pus-me a pensar sobre o assunto e depois de queimar o neurónio esquerdo (e de quase provocar um acidente, porque o direito ainda não aprendeu a meter as velocidades no bilhasmóbil) cheguei a uma conclusão que a modéstia me impede de considerar de brilhante, mas que eu considero à mesma (eu não gosto muito que a modéstia me corte o barato). Então (como se diz no Big Brother) é assim:

Se os homens (e as mulheres, mas aqui interessa-me mais a coisa no feminino, posso?) são todos iguais, porque é que custa tanto às gajas escolher o seu par? É agarrar no primeiro lavadinho que encontrem e toca a constituir família, carago!

Gajas… mesmo a simplificar, complicam tudo! 🙂

Aaaaaaaa

PS: cheira-me… aliás presinto que o gajame que lê (corajosas e destemidas) o Bilhas se vai pronunciar sobre o assunto!

Ante-et-post

Outubro 23, 2007

É a outra casa onde escreve este vosso amigo. O Ante, como lhe chamo diminutivamente, veio ter até mim através de um convite da Karla, uma leitora desta casa e agora comparsa de guerra no ante, há dois anos e qualquer coisita. Desafiavam-me para escrever num blog colectivo e cheio de qualidade… aceitei com alguma reserva, porque todos tinham registos bem diferentes do meu, mas o tempo provou que a diversidade é normalmente um bom meio para obter qualidade.

Hoje, no segundo aniversário da minha outra casa na blogosfera, congratulo-me por fazer parte de um excelente blog, lido por milhares de pessoas por todo o mundo, onde aprendi muito, onde me dei a conhecer também, mas acima de tudo onde fiz um excelente grupo de amigos.

Como diz o Jorge Morais (o grande mentor do ante) neste post… tudo pode acabar, tudo tem o seu fim, mas entre nós nasceu algo que não poderá ser quebrado… uma boa amizade.

Obrigado e parabéns Ante-et-post!

No Ipod – Remember the promise you made

Outubro 23, 2007

Muito gosto eu de ouvir este shake! Bom dia rapaziada, tudo bem por aí!?

Humor do melhor

Outubro 22, 2007

Excelente… excelente não… fantabulástico!