Desafio número 3367634323497

É realmente um prazer esta coisa de responder a desafios. Aliás… acordo todos os dias a pensar “quem será a boa alma que me vai enviar um desafio para o blog!” E quando estes não chegam os dias são compridos e chatos… sempre a carregar no F5 a ver se por acaso há algum novo link para o meu blog no dashboard da WordPress. Quando não chegam é o desespero total…

Mas hoje não! Hoje uma detective saved my life da aborrecida tarefa de estar o dia todo a carregar em F5. Gracias MiSs e então aqui vai:

1- Estás mais envolvido com o sarcasmo ou com a gentileza na tua escrita na internet?

Com a gentileza, car*****o. Já alguém me leu de outra forma que não gentil aqui no Bilhas! Dassssss tão a chamar bruto ao menino. Parto já as trombas a quem se lembra destas perguntas! De vez em quando utilizo um cadito (muitooooooooooooo pequenino) de sarcasmo! Só para condimentar a coisa. Aliás queria deixar aqui expresso de novo um píblico agradecimento à MiSs… por este desafio!

2- Acreditas que os teus ideais políticos te definem?

Já foi tempo em que se calhar me definiam. Mas antes de os gajos me definirem, já eu os tinha definido a eles, por isso esta questão parece-se um pouco com aquela de quem é que nasce primeiro: a galinha ou o ovo? Nos dias que correm já não me definem de todo… aliás o que raio é que são ideais políticos?

3-Qual é o elemento essencial de uma relação?

O elemente essencial de uma relação (suponho que a pergunta seja para as relações amorosas) é a gaja! Sem ela… por muito que nos custe reconhecer… dificilmente haveria relação. Não havendo gaja, não há relação. Quer dizer… para os gajos que gostam de gajos até pode haver, mas como não é o meu caso a gaja torna-se um factor essencial da equação.

4-É difícil levantares-te de manhã?

Nadinha! Acordo normalmente a cantar e a dançar se a música do despertador não for Marco Paulo, Emanuel, Quim Barreiros (à excepção da do carro da vizinha), Toy ou algum dos moços Carreira. Nestas alturas sei que ainda não passou a ressaca e estou com pesadelos incríveis.

5-Qual a última coisa mais bonita que viste?

A última mais bonita foi a Mrs. Bilhas (e isto nada tem a ver com o facto de me ter atrasado quase uma hora a levantar hoje e consequentemente ter atrasado o horário da minha gaja… desculpa lá, ó jeitosona!) Antes dela… tinha olhado lá para o espelho de casa e vi algo absolutamente fantabulástico… quase tão bonito como a Mrs. Bilhas!

6-Por que sou tão medricas quando vou ao médico? E tenho tanto medo do amanhã?

What!? Quem é que é medricas quando vai ao médico? Tem medo da pica é bébé? Tá com medito de ouvir os kilos a mais depois de pesado? Deixa-te disso… ir ao médico(a) é uma alegria imensa… e se for ao dentista melhor, sempre se põe o sono em dia.

Do amanhã ainda pior. Quem perde tempo a ter medo do amanhã de certeza absoluta que não aproveita o hoje. (Bilhas… tens que tomar alguma coisa… esta última frase parece uma daquelas pindéricas para colocar no messenger. Por favor não repitas!)

7- Se pudesses conhecer alguém que não conheces quem seria?

A Scarllet Johanson. Ou o Dalai Lama… carago… estou indeciso! Não podem ser duas pessoas? Ou três? Assim aproveitava e conhecia também a Dita Von Teese (sempre gostava de saber o que a gaja viu lá no moço que tira costelas…)

8- É fácil gostar-se de ti?

Eh pá! Não… nadinha. Sou um daqueles seres irrascíveis e insuportáveis que ninguém no seu perfeito juízo deveria querer para amigo, namorado, marido, irmão, filho, cunhado, genro, empregado, etc… O que me vale é que restam poucas pessoas no mundo que ainda estão no seu perfeito juízo.

E prantes…

Agora diz que tenho de passar o desafio a mais algumas e alguns cristos companheiros de “blogoisféria” que adooooorrrraaaammmmm estas coisas dos desafios. Deixa cá ver… ao Pré, porque eu gosto de chatear e sei que me vou matar a rir se ele aceitar o desafio, à Karla e ao Jorge do ante-et-post porque quero saber se eles têm medo de ir ao médico, à Dótora High Heels porque tem sempre uma maneira “exquizita” de escrever posts e a resposta ao desafio deve ser, ela própria, um desafio. Aproveito e chateio-o também a Maria do Divas e Contrabaixos, o Asdrubal dos Bafos e Desabafos e já agora… aos amigos Carlos e Coiote que eu sei que vão ficar emocionadíssimos com esta tarefa (LOL) e é sempre um motivo para voltar à escrita nos respectivos blogs. Quem é amiguinho, quem é!?

Anúncios

11 Respostas to “Desafio número 3367634323497”

  1. Miss Detective Says:

    hihi eu sabia q ias gostar muito 🙂 tive iss em atenção assim sendo o teu dia passa a ter sentido

  2. karla Says:

    Bilhas,
    este foi o desafio mais sem graça, chato e comprido que me propuseram. Assim sendo, para não perder muito tempo e só porque é para ti :

    1 – Com o sarcasmo. Passa-se melhor a mensagem, embora por vezes, nem todos a compreendam.

    2 – os meus ideais, não necessariamente políticos, não só me definem, como são o fio condutor da minha vida.

    3 – Respeito (em todas as relações – amorosas, profissionais, amizades, vizinhança, you name it)

    4 – Não. Levanto-me sempre cedo e sempre bem disposta.

    5 – Vejo coisas bonitas a toda a hora. Tudo depende dos olhos que vêem.

    6 – Eu não vou ao médico. E não tenho medo nenhum do amanhã. A vida é para ser vivida todos os dias, em aventura.

    7 – Esta pergunta é mt parva.

    8 – Responde tu a esta.

  3. Bilhas O Bom da Fita Says:

    🙂 que mau feitio, Xô dona Karla… mas em todo o caso e não parecendo é muito fácil gostar da menina sim! 🙂 És uma fixe das valentes!

  4. Dr.ª High Heels Says:

    Ai o diabo!
    Lá terei eu novamente que encher chouriços! É sina. É Karma!
    Para não variar, vai sair coisa muiiiito “exquizita”!

  5. Carlos Azevedo Says:

    Sabes há quanto tempo não escrevo no “The Cat Scats”!? O que não fazemos pelos amigos…! 🙂

  6. Bilhas O Bom da Fita Says:

    🙂 é para isso mesmo que servem os amigos! Escreve e mai nada!

  7. Carlos Azevedo Says:

    Aqui vai:

    1- Estás mais envolvido com o sarcasmo ou com a gentileza na tua escrita na internet?

    Ultimamente, nem com o sarcasmo, nem com a gentileza; escrevo tão pouco… Mas acho que tenho tendência a ser sarcástico.

    2- Acreditas que os teus ideais políticos te definem?

    Completamente. O que não signifique que não encontre pessoas inteligentes e interessantes em quadrantes políticos diferentes daquele em que me situo (e eu situo-me à esquerda).

    3-Qual é o elemento essencial de uma relação?

    São dois: a confiança e o respeito.

    4-É difícil levantares-te de manhã?

    Não só é difícil, como é uma verdadeira tortura!!!

    5-Qual a última coisa mais bonita que viste?

    Se eu fosse lamechas, diria que foi a C.. Como não sou, opto por uma fotografia que vi no passado fim-de-semana no Centro Português de Fotografia. Uma fotografia dos anos 50’, duas meninas vestidas de branco (pareciam vestidos de Primeira Comunhão) a descerem uma escadaria de pedra na zona histórica do Porto, com o Sol a bater-lhes por trás… Beleza em estado puro!

    6-Por que sou tão medricas quando vou ao médico? E tenho tanto medo do amanhã?

    Não tenho medo do médico. Do amanhã também não tenho medo; só da morte. Um medo de morte da morte!

    7- Se pudesses conhecer alguém que não conheces quem seria?

    Todos os que eu não conheço e gostaria de conhecer já estão mortos!!! Mas, para não fugir à resposta, gostaria de conhecer pessoalmente o Nelson Mandela, personalidade que muito admiro. E, já agora, de jantar com a Monica Bellucci…

    8- É fácil gostar-se de ti?

    Ah ah ah!!! Só me pergunta isso quem não me conhece, o que não é o teu caso. Normalmente, gostam de mim quando têm oportunidade de me conhecer melhor (e, mesmo assim, nem sempre), o que não é fácil (nem eu sou uma pessoa fácil, diga-se), porque eu não deixo (pura timidez, embora, lá está, só quem me conhece bem sabe que eu sou muito tímido; as pessoas associam extroversão a falta de timidez, o que não é de todo verdade). Dizem também que sou muito exigente com os outros, o que deve ser verdade, mas, e muitas vezes quem me acusa não se apercebe disso, sou muito mais exigente comigo próprio.

  8. Bilhas O Bom da Fita Says:

    Dótora… desculpe lá as moléstias pelas quais a faço passar! 🙂

    Carlos… é para escrever no blog! No teu blog e não nos meus comentários pá!

  9. Carlos Azevedo Says:

    Já está! Só não passo a cadeia porque já não escrevo há tanto tempo que nem sei a quem passar… 🙂

    E as prometidas fotografias…!? 😉

  10. maria Says:

    Bilhas,
    eu respondo, mas só quando vier de férias, com mais forças! 🙂

    Por agora digo-te apenas que me custa muito levantar cedo e que já é tarde, e que só vou dormir umas 4 horas, que o avião não espera. se esperasse, dormia mais um bocadinho 😉

  11. Bilhas O Bom da Fita Says:

    🙂 Maria… antes de mais boas férias. Olha que vou cobrar, ok!?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: